Fora de casa, CRB perde a invencibilidade contra o Confiança: 1 a 0

Em fim de tarde sem inspiração e sem sorte, Galo perde invencibilidade de 11 anos

FOTO: LUIZ NETO

O início da noite desta terça (6) foi sem inspiração para o CRB, que perdeu uma invencibilidade de 11 anos contra o Confiança. Em Aracaju, o Dragão bateu o Regatas por 1 a 0, na Arena Batistão, pela Série B do Campeonato Brasileiro. O embate marcou a abertura desta 14ª rodada da competição. Ari Moura marcou o gol da vitória dos sergipanos na segunda etapa.

Com este resultado, o time regatiano ocupa agora a 8ª posição, com os mesmos 20 pontos. Já o Dragão, agora com 18 pontos, está na 11º colocação.

O Galo continua na estrada, longe de Maceió. O palco do próximo desafio será o Estádio Brinco de Ouro da Princesa, onde enfrentará o Guarani, em Campinas. A bola rola neste sábado(10), às 16h30. A equipe sergipana viajará até o interior do Paraná, onde encara o Operário, no Estádio Germano Krüger, também às 16h30 deste sábado.

Primeiro tempo

Quem chegou primeiro ao ataque foi a equipe da casa. Aos 3 minutos, Guilherme Castilho levantou na área do CRB e Reginaldo Júnior afastou. Aos 5 minutos, Luidy tentou arrancar e sentiu a coxa direita. O atacante ficou impossibilitado de prosseguir na partida e o Regatas teve que queimar sua primeira alteração, quando entrou Magno Cruz na ofensiva da equipe alvirrubra.

O Galo até tentou ser ofensivo no início da partida, mas viu o Confiança com mais ímpeto no ataque

FOTO: LUIZ NETO

 

O CRB até tentou pressionar, mas foi o Confiança quem dominou no começo do jogo. Aos 10 minutos, Caíque Sá meteu uma caneta em Igor, invadiu a área do CRB e ajeitou mais atrás para Renan Gorne, que finalizou prensado e gerou o primeiro lance perigoso da partida. Aos 12, Madison foi acionado na entrada da área do CRB, arrematou rasteiro e Edson Mardden encaixou fácil no meio da meta.

O Dragão seguiu no ataque e aos 19 minutos chegou mais uma vez com perigo. Em cobrança de falta, Guilherme Castilho mandou a bola no meio da área do CRB, a defesa tirou parcialmente e Reis bateu em cima da defensiva regatiana. Em sequência, aos 23, o Confiança criou outra oportunidade real de gol. Guilherme Castilho chegou à linha de fundo e cruzou para Reis, que finalizou da marca do pênalti e mandou por cima da casinha do Galo.

A etapa inicial foi marcada pelo domínio da equipe sergipana

FOTO: LUIZ NETO

 

A bruxa atacou o CRB, mais uma vez, aos 27 minutos. Reginaldo foi o segundo jogador regatiano a sentir e a ser substituído. Lucas Mendes entrou para recompor a lateral direita do Galo. Aos 31 minutos, o Regatas chegou ao ataque. Em uma cobrança de escanteio, Diego Torres cruzou aberto na área, Gum cabeceou, mas a pelota desviou na cabeça de Madison e saiu para escanteio, posteriormente cobrado sem perigo aos 32.

Até os 40 minutos, o Galo estava mal no jogo. O Confiança dominou a primeira etapa, mas finalizou pouco, e o Regatas conseguiu respirar na partida. E assim o jogo se desenrolou até a final da primeira etapa, que foi até os 48. Final da etapa inicial: Confiança 0 x 0 CRB.

Segundo tempo

A segunda etapa se iniciou com o Confiança no ataque, assim como a primeira

FOTO: LUIZ NETO

 

O etapa final se iniciou com um cenário parecido com o do primeiro tempo. Nos primeiros minutos, o CRB não conseguiu engatar seu jogo ofensivo e o Confiança seguiu com o controle da partida.

Até os 19 minutos, o jogo estava morno no ataque, mas com muitas disputas fortes pela bola. Porém, aos 20 minutos, surgiu o primeiro gol da partida. Ari Moura foi acionado na entrada da área, arriscou de fora e mandou no cantinho de Edson Mardden. Placar aberto no Batistão: Confiança 1×0 CRB.

Aos 22, o time proletário quase ampliou. Ari Moura driblou Igor, ajeitou mais atrás para Ítalo, que chutou em cima da defesa do CRB. Posteriormente, aos 26, foi o Galo quem chegou no ataque. Em cobrança de Diego Torres, Reginaldo Júnior cabeceou por cima da meta do Dragão. Aos 27, o Confiança respondeu com Reis, que aproveitou o corte errado de Edson Mardden e chutou para a defesa do arqueiro regatiano, com a perna direita.

O Galo conseguiu aplicar seu ímpeto na partida aos 36 minutos. Diego Torres cruzou na medida para Safira, que cabeceou de costas para o gol, obrigando Rafael Santos a realizar uma grande defesa. Na sequência, com a cobrança de escanteio, Igor surgiu na primeira trave e cabeceou forte a bola no travessão do Confiança.

O Regatas pressionou no final, mas não conseguiu empatar

FOTO: LUIZ NETO

 

Na reta final, o CRB se lançou ao ataque. Aos 42, Diego Torres lançou no meio da área e Gum cabeceou por cima da meta defendida por Rafael Santos. O Galo bombardeou o Dragão até o apito final, aos 50, mas não conseguiu empatar. Fim de jogo em Aracaju: Confiança 1×0 CRB.

Confiança – Rafael Santos; Caíque Sá (Thiago Ennes), Nirley, Matheus Mancini e Djalma Silva; Madison, Rafael Vila (Tiago Luis) e Guilherme Castilho (Danilo Pires); Ítalo (Luan), Renan Gorne (Ari Moura) e Reis. Técnico: Daniel Paulista

CRB – Edson Mardden; Reginaldo Lopes (Lucas Mendes), Gum, Reginaldo Júnior e Igor Cariús; Claudinei, Moacir e Diego Torres; Luidy (Magno Cruz, Bill), Iago Dias (Marcos Calazans) e Safira. Técnico: Marcelo Cabo.

Árbitro: Zandick Gondim Alves Junior (RN).

Assistentes: Lorival Candido das Flores e Luis Carlos de França Costa (RN).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP