Ney Franco lamenta falhas do Cruzeiro na bola parada e conclui: “Temos que jogar muito mais”

Melhores momentos de CSA 3x1 Cruzeiro pela Série B do Campeonato Brasileiro
Ney Franco, técnico do Cruzeiro — Foto: Gustavo Aleixo / Cruzeiro

A primeira derrota do Cruzeiro sob o comando de Ney Franco chegou na noite deste sábado, com o 3 a 1 para o CSA, em Alagoas, pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time foi batido facilmente nas bolas pelo alto e também não teve tanta facilidade para criar chances de gols.

Apesar de o Cruzeiro ter sofrido os três gols em bolas aéreas, o treinador preferiu não apontar culpados, apesar de lamentar os dois primeiros gols, que nasceram de bolas paradas. O time ainda não tinha sido vazado dessa forma na competição, e falhou justamente em um momento de domínio (ao menos territorial) do jogo.

– Sobre a derrota, a gente não vai colocar na conta de ninguém. O adversário foi merecedor do resultado, pela competência que teve, principalmente nos dois primeiros gols, em bolas paradas, no momento em que nossa equipe passava uma mensagem de que estava jogando em cima do adversário, mas sem criar muitas oportunidades de gols.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP