Número de casos suspeitos de coronavírus sobe para nove em Alagoas

Alagoas tem três novos casos suspeitos do novo coronavírus (Covid-19), chegando a nove o número de pacientes em investigação. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) nesta quarta-feira (11). O último balanço divulgado pelo órgão nessa terça (10) mostrava apenas seis casos suspeitos.

Segundo o órgão, dois atendem à definição de caso suspeito por relatos de história de passagem por países com transmissão local do vírus. Apenas um informou contato domiciliar com o primeiro caso confirmado – um homem, de 42 anos, que esteve em viagem à Itália.

Até esta quarta (11), ainda conforme a Sesau, 24 casos suspeitos foram registrados, nove continuam em investigação, um foi confirmado, oito descartados com base em exames de laboratório e seis excluídos. Do total de suspeitos, 72% são do sexo feminino e 28% do sexo masculino.

Os novos pacientes e seus contatos estão sendo monitorados pela equipe do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs) da Sesau e da Secretaria de Saúde de Maceió.

DADOS DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

Apesar de a Sesau apontar que no estado há nove casos suspeitos o boletim do Ministério da Saúde divulgou, na tarde desta quarta-feira (11), que em Alagoas há quatro suspeitos, um confirmado e sete descartados. A divergência entre os números se dá pelo fato de que o ministério fechou seu boletim às 12h. Com isso, os novos casos registrados pela Sesau devem constar apenas no boletim de quinta-feira.

Caso de coronavírus confirmado

No último domingo (8), a Sesau informou que o primeiro caso do novo coronavírus havia sido confirmado em Alagoas. Trata-se de um homem de 42 anos que esteve em viagem à Itália. Ele encontra-se em isolamento domiciliar, com quadro de saúde estável.

O exame que mostrou o diagnóstico foi feito e enviado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), laboratório de referência nacional.

OMS declara pandemia

Em razão no aumento do número de casos dde Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2), a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia nesta quarta (11).

De acordo com a OMS, a quantidade de casos notificados fora da China, onde está localizada a província de Wuhan – epicentro do vírus -, cresceu 13 vezes e o número de países afetados triplicou. Atualmente, cerca de 118 mil casos foram identificados ao redor do mundo e 4.291 pessoas morreram.

O termo pandemia se refere ao momento em que uma doença propaga-se por vários continentes e quando a transmissão ocorre entre as pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP