Alagoana de Pilar, Rosimeire Lima celebra título internacional no vôlei de praia

Alagoana de Pilar, Rosimeire Lima celebra título internacional no vôlei de praiaCampeã na Colômbia, atleta destaca apoio da Prefeitura: “Feliz por encerrar o ano com chave de ouro”Ascom PilarPilar também é destaque no esporte. E uma das atletas que vem levando a cidade de Pilar ao lugar mais alto do pódio é Rosimeire Lima, que venceu torneio internacional disputado na Colômbia. Ao lado de Sandressa, outra alagoana de destaque e com quem faz dupla no vôlei de praia desde setembro, a pilarense de 37 anos levou a melhor diante das adversárias de cinco países que estiveram representados no Exhibición Internacional de Voleibol de Playa, realizado em outubro deste ano, na cidade de Villavivencio.“Estou muito feliz por fechar o ano com chave de ouro. Trabalhamos muito duro, mas acabamos recompensadas com seis pódios, sendo um internacional, o que nos enche de orgulho. Afinal, fizemos um jogo de alto nível contra as donas da casa. Por isso é que só tenho a agradecer àqueles que acreditam no nosso potencial, a exemplo da Prefeitura de Pilar, por meio do prefeito Renato Filho e do secretário de Esporte e Lazer, Carlos Emanuel”, afirma a jogadora.Com Sandressa, Rosy já conquistou três medalhas em apenas três meses de parceria. Além do título na Colômbia, também subiu ao pódio em duas etapas do Circuito Brasileiro: foram terceiras colocadas em Fortaleza-CE e vice-campeãs em João Pessoa-PB.“Inclusive, estamos muito confiantes de que vamos iniciar o ano que vem entre as doze melhores duplas do país. E ver a minha terra, Pilar, na elite do vôlei de praia brasileiro é extremamente gratificante”, reforça a atleta, que, em 2023, também foi vice-campeã na 6ª etapa do Brasileiro, em Brasília-DF, e terceira colocada na Copa Paraíba Open.E Rosy faz questão de deixar um recado para quem sonha tornar-se atleta profissional.“Eu sempre acreditei que seria jogadora. Nunca desisti. Comecei defendendo o CRB no vôlei de quadra, onde também competi pela seleção alagoana. Foi o início de uma carreira que construí com muito suor. E a minha cidade vem se desenvolvendo bastante. A atual gestão realmente incentiva não só o esporte de alto rendimento. Ela também enxerga o esporte como ferramenta de inclusão social, afastando os jovens de males como as drogas. Por isso é que digo aos meus conterrâneos: aproveitem a oportunidade de poder treinar no maior completo esportivo do estado. Basta acreditar”, atesta a campeã.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP