Paulo Sérgio já é o terceiro maior artilheiro do Brasil

Se Alagoas perdeu o maior artilheiro do Brasil em 2020 com a saída de Léo Gamalho do CRB, o estado pode se orgulhar de já ter o substituto. Paulo Sérgio, do CSA, chegou ao 17º gol no ano ao marcar de pênalti contra o Figueirense, pela última rodada da Série B. Foi o terceiro gol com a camisa azulina em sete jogos.

Pelo Azulão, o atacante tem 3 gols em 7 jogos, uma média de 0,42 gols por jogo. Com o gol marcado sobre o Figueirense, Paulo Sérgio é hoje o terceiro maior artilheiro do Brasil em 2020 e ultrapassou Cano, do Vasco, e Gabigol, do Flamengo, com 16 gols. O jogador só fica atrás de Nenê, do Fluminense, e Léo Gamalho, que deixou o CRB, cada um com 18 gols no ano.

Paulo Sérgio está em seu terceiro clube na temporada. Antes do Azulão, defendeu o ABC de Natal e o Cascavel, do Paraná. Com as três camisas, uma mesma característica: o faro de gol. Suas médias de gols são altas no ano. São 17 gols em 24 partidas, uma média de 0,71 gols por jogo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP