Venezuela recebe remessa da vacina russa contra Covid-19

A Venezuela recebeu nesta sexta-feira (2) um carregamento de vacinas russas contra o novo coronavírus, com o objetivo de participar da fase de ensaios clínicos, informou o governo de Nicolás Maduro.

“Estamos recebendo um primeiro lote de vacinas Sputnik V (…). Duas mil pessoas serão incluídas neste ensaio na Venezuela”, disse o ministro da Saúde, Carlos Alvarado, durante cerimônia solene no Aeroporto Internacional de Maiquetía, o principal terminal aéreo do país caribenho.

As vacinações serão iniciadas este mês em Caracas, acrescentou o ministro, sem especificar uma data.

Já em agosto, o governo Maduro havia anunciado que a Venezuela participaria dessa fase a partir de acordos com o Centro de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Nikolai Gamaleya, responsável pela produção do Sputnik V, e Moscou.

Na época, disseram que pretendiam produzir a vacina, apesar de sua grave crise econômica.

“Assim que terminar esta fase três, tanto na Rússia quanto na Venezuela, começará o processo de produção em massa”, insistiu Alvarado na sexta-feira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

TOP